Irresistible - Capítulo 3

                    Vas Happenin Vegas?

"Aproveitar no estilo Vegas..."


                                            [...]
Lá pras três horas da tarde, quando o Zach tinha finalmente acordado, fui até sua casa, para dar as notícias sobre a viagem até Las Vegas, que eu tinha certeza que ele ia gostar, fazia o estilo dele... 
Toquei na porta, e ele atendeu com uma cara cansada, e com a mão na cabeça do que eu imaginava, ressaca. Ri e ele me convidou para entrar me dando um beijo de bom dia, ou melhor, boa tarde.
Fui direto a cozinha, fazer sanduíches, já eram três da tarde, mas só para ele, pois eu tinha tomado café fazia pouco tempo, mas agora já estava na hora do almoço. Enquanto Zach comia, eu me sentei na mesa, ao seu lado.
A: O que acha de Las Vegas?
Za: A melhor cidade do mundo...
A: Não, quero dizer, o que acha de irmos para lá? - Ele até engasgou e eu ri.
Za: Tá falando sério?- Assenti, e ele me abraçou, tsc tsc, sabia que ele ia gostar.
Mais tarde, começamos a arrumar as bagagens, e eu liguei para a Amy - minha amiga da faculdade- era indispensável chama-la, porque digamos que o papai da Amy, tem um avião, e gente que pode pilotar para ela, ah Vegas, você nos espera...
                                   [...]
É HOJE! Comecei a fazer uma dancinha escrota no meio do meu quarto, eu tinha acordado tarde, Nick estava na minha cozinha não sei porque, e todos estavam lá também, me assustei, mas já eram meio dia, e tínhamos que partir.
Peguei meus objetos pessoais morrendo de pressa, e joguei tudo dentro da mala, saímos de casa, e fomos direto ao aeroporto, onde havia uma área reservada para estacionar os aviões particulares, o piloto da Amy já estava lá, nos ajudando com tudo, então foi tudo muito rápido.
Mesmo estando de avião, demorou um pouco até Vegas, o que significa que quando chegamos lá, já estava de noite, ou talvez nunca amanheça na cidade, era tudo iluminado e maravilhoso, estava cheio de placas, hotéis, motéis, bares e cassinos por toda a cidade, fomos direto ao hotel, deixando o avião no aeroporto e pegando um táxi.
Nosso hotel era como a maioria dos hotéis de Las Vegas, tinha um cassino no salão, o que significava que nos alojamos nos quartos, eu com Zach e Nick com Amy, e nos arrumamos para descer, dei uma última olhada nas minhas roupas, aquele vestido me caiu bem...
                                              [...] 
Me deitei super cansada, "tudo que eu quero é ir embora e nunca mais voltar nesse lugar de novo" - Pensei, já de pijamas e na minha cama meio dura, mas com travesseiros super confortáveis, dormi com os pensamentos aflitos sobre o que tinha acontecido em toda a noite.
"Flashback on...
Desci com Amy, Zach já estava bebendo, me impressionei com a rapidez, e pelo contrário, Nick estava na pista de dança, super animado, Amy foi se juntar a ele, dançando com os caras, e eu comecei a observar aquele lugar, as pessoas dançavam, tinha karaokê, elas bebiam, e muito, tinham jogos de fliperama, e a atração de Las Vegas, o "prato principal" o famoso Blackjack e o Pôker, fui até o bar, onde peguei só um copo de água, e fui me juntar ao Nick.
N: Sua fraquinha... Isso é água?
A: É.. Por quê?
N: - ele começou a rir - Cara, isso é Las Vegas, vai aproveitar um pouco, não é isso que você queria fazer?
A: Eu estou aproveitando! - Ele fez uma cara de decepção, e me levou de novo até o bar, onde pediu duas bebidas, dando uma delas a mim, eu virei de uma vez, fazendo uma careta, era muito forte, ele riu da minha cara de novo, como se me desafiando.
A: Você quer me ver bêbada é isso?
N: Não, eu duvido muito disso - ele disse me fazendo erguer as sobrancelhas.
A: Droga Nick, você sabe que a palavra "duvido" é muito forte para mim...
Então isso acabou gerando mais e mais copinhos daquela coisa estranha, até que eu despistei Nick e fugi, enquanto ele voltava para a pista.
Procurei por Zach que estava fora da minha vista a horas, o vi jogando blackjack, parecia um pouco estressado, caminhei até lá, seus olhos estavam vermelhos, e ele concerteza estava embriagado. 
A: Zach, está tudo bem?
Za: Hum? Ah, tudo ótimo agora... - ele deu um sorrisinho, e começou a me abraçar, mas não de um jeito carinhoso, de um jeito até meio brusco... Ele beijou meu pescoço, e me puxou até a pista de dança, apertando meus pulsos, aquilo estava começando a me machucar, e ficava mais quente a cada momento, mas nem um pouco agradável, seu hálito cheirava mal a álcool, e ele sussurrava no meu ouvido e tentava me levar para a cama.
A: Zach, larga... - ele continuava, eu estava ficando meio com raiva agora, apertei suas mãos que estavam no meu corpo, e virei-lhe um tapa furiosa, subindo para o meu quarto com pressa, colocando meu pijama, e abrindo a gaveta onde se encontrava minhas aspirinas, eu estava morrendo de dor de cabeça e angústia...
Flashback off..." 
E era isso então, que me aconteceu, eu estava chateada por Zach, mas não sei se agi um pouco mal a respeito dele, bom, ah, amanhã eu me desculpo... - sorri e me lembrei do Nick, digamos que ele arrumou um companheiro hoje... - Ah Nick, ele sabe viver a vida, coisa que eu tenho que aprender...

------------------- Eu sei potatos, foi só enrolação, mas é pra vocês saberem o que aconteceu em Vegas, mas lembrem-se, o que acontece em Vegas, fica em Vegas (:








2 comentários:

  1. Hahahahahahaha, eu ri do "O que acontece em Vegas fica em Vegas" Ah mas tá super divo!! Agr continua sua pomba!

    ResponderExcluir

« »